09 abril 2009


(Che - El Argentino, França, Espanha, EUA, 2008). Se antes achava que o subtítulo desta primeira parte fosse incoerente com a história retratada no período de luta armada em Cuba, agora penso que o uso faz-se totalmente coeso com o que assistimos na tela. Espera-se no mínimo uma retratação de momentos durante ou imediatamente pós diários de motocicleta, que se encarregaria de mostrar as motivações do revolucionário, e no entanto, encontramos Che já pronto, armado, para a luta contra as mazelas cubanas. Começa-se desde então a ressaltar sua personalidade coletiva, que excede os limites territoriais, trazendo o título para a ideia: o argentino que está lutando por Cuba. Uma singela forma de mostrar quem foi Che, de um jeito que foge da exaltação comumente vista em torno da figura de Guevara.

E é aí que Steven Soderbergh se destaca. A impressão que tive é de que até mesmo um leigo em fatos históricos relativos ao período assistisse ao filme, ele não sairia com uma imagem romantizada e heróica do carinha da boina, porque ele não vai encontrar acentuado destaque para o lado afetuoso e generoso de Guevara, com suas famosas frases e demonstrações de amor pelo próximo – não é a toa que a imagem de seu corpo morto foi comparada com a de Jesus Cristo.

O filme vai além, principalmente quando se utiliza do tom realista, quase documental, que permite um escape de modelos hollywoodianos tão banalizados em cenas de ação e aventura. Temos ainda os outros personagens representados com importância se não igual ao menos próxima de Che, que claramente está subordinado ao comandante Fidel Castro. A atenção aos detalhes históricos faz-se presente, e tudo isso acaba fazendo de Che – O Argentino uma forma de humanizar a figura de Guevara. Não posso falar que ‘desromantiza’, mas o contrário também não faz. E é por isso que humaniza.

4 Expressões:

clmm8899 disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
clmm8899 disse...

Air Max LTD Trainer (white - neutral grey)
Nike Air Max 90 (medium grey - white)
Nike Air Max 90 (black - black - white)
Air Max 90 (white - white)
Air Max 90 (black - black)
Air Max 90 360 One Time Only Pack (white)
Air Max 90 360 One Time Only Pack (skylight)
Air Max 90 360 Skull Pack (classic green)
Air Max 90 360 Skull Pack (ironstone)
Nike Max 90 Premium Boot (metallic silver)
Air Max 90 Boot (sable green varsity red)
Max 90 Boot (baroque brown varsity purple
Nike Air Max 90 (white obsidian)
Nike Air Max 90 (tar - sail)
Air Max 90 QK St Pattys Day (classic green)
Nike Air Max 90 Leather (deep garnet)
Air Max 90 Premium (umber - volt - birch)
Air Max 90 Premium (metallic silver)
Air Max 90 Premium UTT (obsidian)
Air Max 90 Premium + Plus (neutral grey)
Air Max 90 Premium (orange blaze)
Air Max 90 Leather (midnight navy)
Air Max 90 Premium BRS (metallic silver)
Air Max 90 Leather (varsity red)
Air Max 90 (argon blue - ice blue
Air Max 90 Premium (white - black - pine)
Air Max 90 (ironstone - radiant green)
Air Max 90 QK Armed Forces Edition (varsity)
Air Max 90 Leather (black - neutral grey)
Air Max 90 Premium + Plus (black - azure)
Air Max 90 Premium - NBA Phoenix Suns
Air Max 90 Premium (metallic silver)
Air Max 90 Premium UTT (obsidian)
Air Max 90 Premium + Plus (neutral grey)
Nike Air Max 90 Premium (solar flare)
Air Max 90 Premium Glow (voltage yellow)
Air Max 90 Premium (orange blaze)
Air Max 90 Leather (midnight navy)
Air Max 90 Premium BRS (metallic silver)
Air Max 90 Leather (varsity red)
Air Max 90 (black - black - white)
Air Max 90 Premium (mdm grey)
Nike Air Max 90 Premium Alphabet Pack
Air Max 90 CL (metallic platinum)
Air Max 90 Premium Tech Pack (sable green)
Air Max 90 Premium Tech Pack (varsity purple)
Air Max 90 Premium Tech Pack (chino)

Monike Mar disse...

nossa, ia apagar o segundo, mas percebi que é o melhor comentário contra o filme que o blog poderia receber. rs

Rudá Lemos disse...

hahahaha.